Entre todas as notícias sobre Avicii que temos publicado por aqui — quase sempre sobre homenagens póstumas ao artista —, esta possivelmente trata-se da mais importante e a que mais deve emocionar os fãs. O álbum póstumo do DJ e produtor sueco foi confirmado pela família, pelo staff e pela Universal Music.

Chamado TIM, o disco está previsto para ser lançado no dia 06 de junho. O primeiro single, “SOS”, vai chegar já na próxima quarta-feira, dia 10. Segundo comunicado para a imprensa, parte das vendas será revertida à Tim Berling Foundation, ONG anunciada pela família Bergling no final de março.

Um mini documentário foi lançado nesta sexta-feira, em conjunto com o anúncio. Nele, o pai de Avicii, Klas Bergling, o presidente da Universal Music nos países nórdicos, Per Sundin, e alguns produtores que trabalharam com o sueco, como Carl Falk, Vargas & Lagola e Albin Nedler & Kristoffer Fogelmark explicam como foi a decisão e o processo de fazer esse disco.

Klas, por exemplo, conta que ele e a mãe de Tim Berling, Anki Lidén, decidiram que as músicas que o filho deixou pré-prontas deveriam ser compartilhadas com os fãs, e não “ficar escondidas”. Per Sundin revela que foram 16 músicas que o Avicii apresentou a ele em sua última ligação, na noite em que chegou a Omã. É desta seleção inicial de 16 músicas que o álbum foi planejado e concebido — feito, segundo os envolvidos, pensando em deixar da forma que Tim gostaria que ficasse.

O vocalista da banda Coldplay, Chris Martin, aparece em uma das faixas. O produtor Carl Falk trabalhou na finalização das músicas deixadas por Avicii.

“Estava tentando produzir através dos olhos e ouvidos de outra pessoa que não está mais aqui”, afirmou Carl Falk. “Foi muito difícil não se criticar o tempo todo. Ele gostaria disso? O que ele teria feito?”

O disco terá canções que o artista escreveu e produziu durante os últimos três meses de sua vida. Essas músicas mostram um Tim diferente. Ele estava tentando dizer alguma coisa”, afirma Falk.

Você pode assistir ao minidoc abaixo, com a possibilidade de converter as legendas para o português nas configurações: